LULA, O ÚLTIMO ADEUS

 

 

Luz, câmera, ação!! Respeitável público, em uma única apresentação, o drama politico que todos aguardavam ou temiam há anos – “A prisão de Luiz Inácio Lula da Silva – em o processo penal do espetáculo”.

Sob uma inventiva modalidade de prisão – a prisão com aviso prévio – o roteirista/juiz Sergio Moro escreveu o enredo ideal para qualquer espectador sádico.

Foi um golpe na nostalgia. Chorei ao ver, talvez, pela última vez o fantasma de meu herói de adolescência. O Homem-mito que ja simbolizou a esperança de um Brasil mais justo e menos desigual. Por instantes, esqueci de tudo e voltei a acreditar nas palavras fortes e persuasivas desse senhor. Coração acelerado, lembrei da estrela vermelha que carreguei por anos na carteira e da canção que entoei milhares de vezes nas ruelas da comunidade onde cresci – “Lula-lá, brilha uma estrela; Lula-lá, cresce a esperança; Lula-lá o Brasil criança…” Que pobre nunca votou no Lula?

Bom, não consigo terminar esse post. Nao era esse o conteúdo inicial planejado. E agora, volto a chorar copiosamente…

Lula, espero que isso tenha sido real, pelo menos, em algum momento. Aguardo o dia em que se arrependa de ter destruído a ideologia de várias gerações.

A prisão consagra o fim do homem falível que sucumbiu ‘a corrupção que outrora combateu. Agora, o sentimento provocado pelo poder de suas palavras marcaram para sempre a minha vida e de muitos companheiros. E, certamente, contarei para meu filho a história do homem que fez o Brasil acreditar que a vitória era possível.

ADEUS, meu herói.

Amigos, hoje o bar fechou mais cedo. Até logo.

 

 

 

 

Anúncios

One Comment on “LULA, O ÚLTIMO ADEUS

Por favor, diga o que achou do texto. Sua opinião é o que faz o site existir.

%d blogueiros gostam disto: